Sobre nós
~

Nós somos a Arqdoc! Unimos tecnologia e pessoas qualificadas em prestar serviços de desenho técnico para arquitetos que querem ganhar tempo no processo de projeto, para dedicar-se a outras funções do seu negócio. Mas, acima de tudo nós ajudamos arquitet(x)s a tornarem seu dia-a-dia mais organizado com padronização dos processos e da gestão dos projetos.

Quer entrar para nossa lista de leitores?
Nós queremos compartilhar com você boas leituras!
  • Dalana

4 ações para você iniciar hoje mesmo a organizar a gestão dos seus projetos de arquitetura


Nós arquitetos somos profissionais criativos e por isso, na maioria das vezes não nos vimos como empresários. Afinal, de contas temos um escritório físico ou trabalhamos home office e não é como uma empresa.


Será?


Quando estamos na faculdade, nós somos inspirados a ter nosso próprio negócio, mas pouco aprendemos sobre empreendedorismo. Com o negócio em funcionamento o foco principal é fechar contratos e começar a projetar, renderizar e executar, mas é extremamente provável que tenhamos problemas organizacionais relacionados à gestão. Isso é super normal! Pode ficar tranquilo!



A notícia boa é que você nem sempre precisa ser especialista em administração, vendas ou marketing digital, principalmente quando se fala em empresas pequenas, muitas vezes compostas só de uma pessoa, que no caso é o próprio arquiteto.O primeiro passo depende de você, para organizar os processos internos obtendo clareza e a partir disso otimiza-los entendendo as suas prioridades.


Um escritório ou home office com uma equipe ou um arquiteto em carreira solo, deve se comportar como qualquer outra empresa e não importa se você tem CNPJ ou não: é preciso ter qualidade no produto, clareza dos processos para que se possa realizar uma boa gestão. Vamos listar quatro ações que geram resultados e vão contribuir com a otimização do seu processo interno.


1-Faça um RAIO X de como você realiza um projeto do começo ao fim elaborando uma espécie de “Jornada do Herói”. Ou seja, escreva todo o passo a passo do projeto de forma visual, como por exemplo a prospecção do cliente através do marketing, parcerias, passando pela criação, projetos executivos e acompanhamento de obra.

É importante primeiramente, nós relatarmos de forma visual usando post its ou outra ferramenta, o que acontece na situação atual de forma mais detalhada possível. Por exemplo na etapa de projeto executivo: alinhamento com estagiário, acompanhar o desenvolvimento por ele e revisão final.



Depois disso é importante entender as macro etapas, quem é responsável por cada uma e o tempo que leva cada uma delas, imaginando que toda as etapas somem 100%.

E essa é a hora que você percebe que não é só sair projetando, existem sub etapas importantes, algumas anteriores e posteriores ao projeto em si.



2- Você já ouviu falar em Kanban? É simples e consiste na sua forma mais básica em organizar em um quadro as Etapas que identificadas na etapa anterior, cada uma em uma coluna. Você deve organizar seus clientes em cartões e posicioná-los em na etapa na qual ele se encontra. A ideia é visualizar todos os projetos e permitir que esses cartões possam ir avançando as colunas.

Porque isso? Primeiro porque assim, você ou qualquer pessoa terá noção exata de onde cada projeto se encontra, quantos estão entrando, quantos estão ficando muito tempo em determinada etapa, quantos nem avançam para a parte do projeto e param na proposta.

Assim, você pode controlar inclusive as prospecções para sempre lembrar de manter relacionamento com elas.

Você pode deixar isso em um quadro na parede e usar post its como cartões pois permite que você movimente-os pelas colunas ou pode também usar aplicativos online como o Trello.



3- Faça uma revisão geral e pense como essa Jornada pode ser melhorada.

  • Quais são os pontos críticos e onde tenho mais dificuldade?

  • Onde estou dedicando mais tempo?

  • Quais são as partes mais chatas?

  • Será que se eu me dedicar melhor a uma determinada etapa eu vou colher frutos melhores?

  • O que consigo automatizar sem perder qualidade para ganhar mais tempo?

Reorganize, pense e pesquisa novas maneiras de fazer determinadas etapas e TESTE! Um exemplo é a etapa de projeto executivo, há muitos relatos de arquitetos que perdem muito tempo elaborando o projeto executivo ou ensinando e revisando o trabalho de um estagiário. Para melhorar essa etapa existe a Arqdoc , já esse problema para muitos arquitetos. Somos em elaboração de projetos executivos totalmente online, que tem padrões, qualidade e responsabilidade com prazos.


"A Arqdoc para o escritório vale muito a pena, pois podemos investir nosso tempo no processo criativo, repassando para eles toda a parte de detalhamentos de nossos projetos. O custo benefício se torna muito melhor do que contratar um estagiário para efetuar essa tarefa, já que tenho que treiná-los e acompanhar de perto" - Arq. Julia Pizzetti .



4- Por último, Padronize tudo o que conseguir! É hora de olhar para o quadro e listar todos os elementos que fazem parte da Jornada, por exemplo: na etapa de fechamento de proposta temos o contrato e na etapa de a apresentação temos as imagens, a planta baixa de estudo e os slides.

Após listar todos pense o que você pode padronizar! Documentos, desenhos, apresentações, planilhas financeiras … No começo vai exigir um esforço mas depois você vai ganhar agilidade e confiança.


E então! Vamos começar?

Gostaria de saber mais ou está com alguma dúvida?

Converse com um de nossos especialistas aqui no chat ou pelo nosso site.